Microfisioterapia

A técnica de terapia manual que vem revolucionando o tratamento da dor

Microfisioterapia
Microfisioterapia
Classificação do Usuário: 0 (0 votos)

A Microfisioterapia vem se mostrando extremamente eficaz no tratamento de dores em geral, sejam elas agudas, crônicas ou recorrentes. A dor crônica é a que mais vem chamando a atenção pelos resultados. Pacientes que tratam a anos dores crônicas com diversos recursos vem encontrando na Microfisioterapia o resultado que esperam a tanto tempo, chegando na grande maioria das vezes a abandonar a medicação para alívio da dor após o tratamento com a técnica, em virtude do desaparecimento da dor.

A dor é uma experiência sensitiva e emocional desagradável associada ou relacionada à lesão real ou potencial dos tecidos. Pode ser considerada como um sintoma ou manifestação de uma doença ou afecção orgânica, mas também pode vir a constituir um quadro clínico mais complexo. Considerando a duração da sua manifestação, ela pode ser de três tipos:

Dor aguda –  Se manifesta transitoriamente durante um período relativamente curto, de minutos a algumas semanas, associada a lesões em tecidos ou órgãos, ocasionadas por inflamação, infecção, traumatismo ou outras causas. Normalmente desaparece quando a causa é corretamente diagnosticada e tratada. São exemplos de dor aguda a dor pós-operatória; a dor que ocorre após um traumatismo; as cólicas em geral, dor de dente, entre outras.

Dor crônica – Tem duração prolongada, que pode se estender de vários meses a vários anos e está quase sempre associada a um processo de doença crônica. A dor crônica pode também ser consequência de uma lesão já previamente tratada. Exemplos: Dor ocasionada pela artrite reumatóide (inflamação das articulações), dor do paciente com câncer, dor relacionada a esforços repetitivos durante o trabalho, dor nas costas, fibromialgia, entre outras.

Dor recorrente – Apresenta períodos de curta duração que, no entanto, se repetem com freqüência, podendo ocorrer durante toda a vida do indivíduo, mesmo sem estar associada a um processo específico. Um exemplo clássico deste tipo de dor é a enxaqueca.

O tratamento com a Microfisioterapia

Através de toques sutis (micropalpações), o fisioterapeuta identifica no corpo do paciente a causa primária da dor, dando consciência ao corpo e estimulando o processo de auto regulação (auto cura). A partir desse momento, o organismo reconhece o seu agente agressor (traumas físicos, emocionais, ambientais, micróbios ou toxinas) e inicia o processo de eliminação através da reprogramação celular e tecidual, promovendo o equilíbrio e a manutenção da saúde.

Experimente entregar-se aos benefícios da Microfisioterapia e livre-se das dores que tanto atrapalham sua vida!

Dra. Ana Paula Ferreira de Camargo
Fisioterapeuta graduada pela Universidade Paulista Unip
Formação em  Microfisioterapia pelo Instituto Salgado
/draanapaulacamargo
End. 1: Av Francisco Glicério, 1266 – sala 11 – Espaço Horizonte
Nova Suiça – Valinhos    19 98160-5032
End. 2: Av dos Expedicionários 1203 – Vista Alegre – Paulínia 19 3874-4900